Dirigentes da CNTSS-CUT e Sindicatos Federais se reúnem com presidente do INSS na quarta-feira
Lideranças discutirão trabalho presencial neste momento de agravamento da pandemia nos Estados e municípios; dirigentes também querem respostas sobre CGNAD, GT de Pontuação e demais pautas pendentes.

 

Dirigentes da CNTSS/CUT (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social) e de seus Sindicatos dos Servidores Públicos Federais, dentre eles o SINSSP, se reúnem na quarta-feira (24) pela manhã, por meio de plataforma digital, com o presidente do INSS, Leonardo Rolim, e representantes das equipes técnicas do órgão. A agenda é resultado de solicitação feita pela Confederação em 04 de fevereiro e reiterada em 17 de março para tratar das demandas de interesse dos trabalhadores que ainda estão pendentes.

Um ponto de destaque da pauta que será levada pelos dirigentes para discussão com Rolim diz respeito às ações de segurança e prevenção à saúde dos servidores que vêm sendo pensadas pelo Instituto neste momento em que a pandemia do novo coronavírus (Covid-19) está em completo descontrole em inúmeros municípios e estados, inclusive com a comprovação do colapso de muitas destas redes de saúde. O acompanhamento sistemático da Confederação e de seus Sindicatos nos Estados tem demonstrado um aumento no número de servidores contaminados.

A CNTSS/CUT, assim como o SINSSP, sempre defenderam a tese de que as Agências deveriam permanecer fechadas como forma de preservar a vida dos usuários e dos servidores. A falta de estrutura física adequada na grande maioria das unidades, a ausência de protocolos sanitários apropriados e a insuficiência de equipamentos de proteção individuais e coletivo são alguns dos gargalos identificados e que vêm sendo denunciados desde o início da pandemia. Esta condição de insegurança que cerca os profissionais que retornaram ao trabalho presencial é muito séria e precisa de medidas eficazes do INSS para garantir suas vidas, de seus familiares e dos beneficiários.

Além desta pauta, os dirigentes vão cobrar do presidente Rolim respostas às demais reivindicações que ainda não obtiveram definição ou avanços por parte do Instituto. A Confederação quer que sejam retomadas as reuniões do CGNAD (Comitê Gestor Nacional de Avaliação de Desempenho) e do Grupo de Trabalho sobre Pontuação para dar prosseguimento às discussões de interesse dos servidores na perspectiva laboral e das preservações de seus direitos e vencimentos. O aprofundamento das discussões referentes à CEAB/RPPS (Central de Análise de Benefício do Regime Próprio de Previdência Social) está entre os outros pontos de pauta que estão sendo levados para a reunião.

Pelo SINSSP estarão presentes os diretores Idel Profeta e Vilma Ramos. Fique de olho no site ou nos canais de comunicação do sindicato para acompanhar o desdobramento dessas pautas.

Fonte:José Carlos Araújo/Assessoria de Imprensa da CNTSS/CUT, com informações da comunicação do SINSSP

Para ter acesso às notícias do Sinssp no seu celular cadastre nosso WhatsApp (11) 9 89329730, envie “quero ficar informado” e fique por dentro de todas as novidades e informações da categoria.