SINSSP e entidades ligadas à CNTSS fazem live para reafirmar a manutenção do trabalho remoto na categoria
A CNTSS/CUT e o SINSSP, juntamente com os sindicatos filiados, realizaram nesta quarta-feira uma live para falar sobre a proposta do INSS de reabertura das Agências de atendimento e orientar a categoria a continuar com o trabalho remoto e se posicionar contra a greve sanitária.

 

A CNTSS/CUT e o SINSSP, juntamente com os sindicatos filiados, realizaram nesta quarta-feira (09), às 16 horas, a “Live Leve” para falar sobre a proposta do INSS de reabertura das Agências de atendimento e a respeito da Portaria 866, de 24/08/2020, que estabelecia critérios para este retorno.

Na live, o presidente da Confederação e os dirigentes dos sindicatos afirmaram que são contra a greve sanitária e a favor da manutenção do trabalho remoto.

O diretor do Sinssp, Marco Antonio, não acredita em greve sanitária, mas no trabalho remoto, disse ele após informar que na APS Barueri 03 trabalhadores testaram positivo para Covid-19 após realizarem testagem rápida nesta quarta-feira (09).

O diretor do sindicato se prontificou a realizar quatro demandas de trabalhos urgentes no CEDOC Glicério e por duas outras vezes por demandas sindicais sendo a última feita na última terça-feira (01) quando visitou a APS Barueri e a APS e GEx Osasco para conversar com os gestores.

Para Marco Antonio, a contaminação pode ter ocorrido numa das idas ao supermercado, ou às APS e Gex. Os outros dois trabalhadores com testes positivos vinham trabalhando (presencialmente) na APS desde meados de junho.

Para o SINSSP, a declaração do diretor serve como um Alerta para todos os servidores, trabalhadores terceirizados e para a população.

“Várias agências vão abrir para atendimento presencial sem testar os servidores, imagina essa situação da APS Barueri ocorrendo no restante do país? Está claro que o INSS caminha para uma tomada de decisão irresponsável, sem pensar na proteção dos trabalhadores, muito menos da população que irá em busca de atendimento. A Instituição está agindo sem pensar na proteção à vida”, afirmou o diretor do sindicato.

A live foi transmitida pelas páginas do Facebook da CNTSS e do SINSSP. Pelo sindicato, o diretor Marco Antonio deixou uma mensagem em nome do SINSSP em relação ao tema. O presidente da Confederação, Sandro Alex de Oliveira Cezar, também participou, além das lideranças dos Sindicatos dos vários estados do país.

As entidades são contrárias ao retorno do trabalho presencial e vão reiterar esse assunto na reunião com o presidente do INSS, Leonardo Rolim, na próxima sexta-feira (11).

Se você perdeu essa live, não se preocupe! Ela está disponível no canal do YouTube do SINSSP. Confira, ative o sininho para receber as nossas notificações e aproveite para deixar os seus comentários logo abaixo.

 

Fonte: Imprensa SINSSP

Para ter acesso às notícias do Sinssp no seu celular cadastre nosso WhatsApp (11) 9 89329730, envie “quero ficar informado” e fique por dentro de todas as novidades e informações da categoria.