Porque o SINSSP é contra os 90 pontos?
Entenda por que o Sindicato é contra os 90 pontos que foram impostos pelo INSS à categoria.

Por Imprensa SINSSP

O Governo constituiu um Grupo de Trabalho que vinha discutindo um novo indicador para o IMA-GDASS e tudo caminhava para que esse indicador pudesse aferir todas as tarefas realizadas nos processos de benefícios. Porém, o Governo simplesmente resolveu jogar na lata do lixo todo o processo que havia sido discutido na última reunião do GT e apresentou o novo Indicador para a GDASS dando um golpe na categoria.

Os servidores do INSS já detectaram que é impossível atingir os 90 pontos trabalhando corretamente os benefícios dentro da lei e cumprindo uma carga horária normal. O que se tem observado é que os servidores estão fazendo horas e horas além da sua jornada de trabalho na tentativa de bater a meta.

O SINSSP vem orientar que a categoria não pode cair na armadilha que o Governo preparou para os servidores, pois o INSS está usando essa artimanha para dizer que a casa está em ordem e que não precisa da contratação de novos servidores.

O Sindicato entende que não devemos ficar discutindo dentro da lógica de que o Governo tenta implementar, temos que rejeitar todo esse processo imposto e exigir que o indicador aferia todas as tarefas realizadas e não só quando da conclusão do benefício. É preciso mudar o fluxo dos benefícios que precisam de perícia médica, primeiro realiza a Perícia e depois encaminha para a concessão.

Outra questão de extrema importância são as condições dos sistemas do INSS que não funcionam, todo dia tem sistema que não roda pressionando a inoperância, impactando diretamente no tempo para análise dos processos acarretando no retrabalho, prejudicando os servidores na realização de suas tarefas.

O SINSSP vai exigir do INSS que toda vez que algum sistema não estiver funcionando que seja emitido uma CERTIDÃO DE INDISPONIBILIDADE DO SISTEMA,  isto  valerá para resguardar o servidor e o segurado, pois essa história de ficar abrindo chamada toda vez que o sistema estiver inoperante não funciona, primeiro porque essa tarefa não é papel do servidor, segundo porque o tempo que se perde com tanta burocracia para fazer a chamada é um absurdo. O Judiciário faz uso dessa certidão e pela análise do Sindicato funciona bem.

A categoria precisa ter em mente que o Governo Bolsonaro vê os servidores como inimigos, já estamos a mais de 2 anos sem aumento e não há nenhuma perspectiva pela frente, aliás, as notícias e as medidas que vem sendo anunciadas só vão piorar ainda mais a nossa situação.

O caminho é ter uma reação forte e contundente para mostrar que não somos vaquinhas de presépio!

Fonte:Sinssp

Para ter acesso às notícias do Sinssp no seu celular cadastre nosso WhatsApp (11) 9 89329730, envie “quero ficar informado” e fique por dentro de todas as novidades e informações da categoria.