Nota pública da CNTSS contra a abertura das agências da previdência social
A CNTSS e suas entidades filiadas, dentre elas o SINSSP, manifestaram repúdio em nota pública sobre o ofício da ANMP referente reabertura das agências do INSS.

A CNTSS/CUT (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridades Social) manifestou, em nota pública, a sua perplexidade e repúdio ao Ofício nº 039/2020, de 23 de junho, da ANMP (Associação Nacional dos Peritos Médicos Federais)  encaminhado ao Secretário Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Bianco Leal, que trata sobre a proposta de retorno do atendimento presencial nas unidades do INSS para o dia 13 de julho.

Tanto a CNTSS/CUT quanto as suas entidades filiadas, dentre elas o SINSSP, reiteram o repúdio a esta visão inadequada e preconceituosa da direção da ANMP e reafirmam seu compromisso assumido desde sempre a defesa de todos os trabalhadores do INSS e da população dos usuários do sistema, principalmente neste momento de pandemia do novo coronavírus.

Clique aqui e leia na íntegra a nota de repúdio.

Fonte:CNTSS e entidades filiadas

Para ter acesso às notícias do Sinssp no seu celular cadastre nosso WhatsApp (11) 9 89329730, envie “quero ficar informado” e fique por dentro de todas as novidades e informações da categoria.